NotíciasUcrânia: Comissão Europeia destina nove milhões de euros para assistência de saúde...

Ucrânia: Comissão Europeia destina nove milhões de euros para assistência de saúde mental a refugiados

A Comissão Europeia anunciou a mobilização de nove milhões de euros para apoiar as pessoas que fogem da guerra da Ucrânia com necessidades urgentes de saúde mental e serviços de apoio a traumas.

O executivo comunitário explica que a verba provém do Programa «EU4Health» – criado no quadro da pandemia COVID-19 para fortalecer os sistemas de saúde na UE – e aponta que «este financiamento adicional permitirá à Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelha e às organizações não-governamentais apoiar os profissionais de saúde a realizarem o seu trabalho».

Segundo a Comissão, este apoio financeiro também permitirá a prestação de «serviços de saúde mental sob a forma de primeiros socorros psicológicos, triagem, apoio a traumas psicológicos e aconselhamento a refugiados nas suas próprias línguas».

«A agressão brutal da Rússia na Ucrânia pôs a nu os horrores e as cicatrizes da guerra. Forçou milhões de pessoas inocentes, muitas delas crianças e vulneráveis, a fugir dos únicos lares, vidas e meios de subsistência que alguma vez conheceram rumo a um caminho de incerteza. Temos de oferecer apoio mental e psicológico essencial a todos aqueles que dele necessitam», comentou a comissária europeia da Saúde.

«Com este financiamento adicional, asseguraremos que esta assistência seja rapidamente prestada no terreno com a ajuda das nossas organizações parceiras. É também um exemplo tangível do nosso empenho em apoiar os refugiados ucranianos à medida que estes começam a reconstruir as suas vidas», completou Stella Kyriakides.

Fonte: sapo.pt

Autor

Redação TVPsi
Redação TVPsi
Somos um portal dedicado a saúde mental. Uma resposta ousada à verdadeira pandemia mundial.

Leia mais

- Publicidade -

Últimas Notícias

Veja Também

- Publicidade -